Alexandre Baldy

Última atualização: 11:10

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

 Alexandre Baldy, secretário dos Transportes Metropolitanos do Estado de SP explica como será sua gestão. O planejamento para melhorar o transporte público de SP ,com o auxilio de tecnologias e a viabilização e continuidade de obras paradas no transporte urbano

  1. O Senhor possui experiência em gestão publica, foi parlamentar, na sua opinião qual é a maior dificuldade, o maior entrave no transporte público do estado de São Paulo?

Resposta: Melhorar e aprimorar o transporte público no estado de São Paulo, tornando sempre mais confortável e eficaz para o usuário. Para isso, precisamos investir em tecnologia, como, por exemplo, em um moderno sistema de monitoramento de trens. Outro desafio é aprimorar os sistemas de rede aérea e elétrica da CPTM e fazer com que a companhia alcance o padrão de excelência do Metrô.

  1. Quantos pessoas utilizam o transporte público no estado de São Paulo?

Resposta: Cerca de 7,5 milhões de pessoas transportadas, em média, por dia útil na rede metroferroviária.

 

  1. Qual o orçamento da secretária que o Sr administra?

Resposta: Temos para este ano um investimento previsto de R$ 4,7 bilhões, segundo a Lei Orçamentária Anual (LOA) nº 16.923/2019.

  1. O governo foi eleito com o slogan de realizar uma parceria com a iniciativa privada e assim melhorar os serviços oferecidos. Por exemplo existem linhas do metrô que são privatizadas e outras não. Eu como jornalista, também sou usuário. É notória a imensa diferença, em comparação por exemplo da linha vermelha com a amarela (uma privada e a outra não), com relação a qualidade. Apesar da grande diferença do fluxo de usuários. Na linha vermelha por exemplo em horário de pico o passageiro chega a esperar em média passar 6 trêns para conseguir embarcar, quando muitas vezes é empurrado e vitima de acidentes. Na sua gestão podemos esperas uma ampla privatização no transporte público, com ênfase no metrô e nas linhas de trêns da CPTM?

Resposta: Todos os projetos existentes na CPTM, no Metrô e na EMTU estão sendo reavaliados e serão apresentados ao Governo do Estado em um plano de investimentos para a mobilidade urbana para os próximos 46 meses. Após a apresentação, eles serão hierarquizados para que sejam definidas as questões técnico-financeiras relativas a cada um deles.

  1. Quais as principais obras no estado de SP estão em andamento? Quais estão paradas?

Resposta: Como secretário de Transportes Metropolitanos, buscarei, nos próximos quatro anos, alternativas eficientes para que obras consideradas prioritárias sejam concluídas ou retomadas, como as linhas 17-Ouro e 6-Laranja.

  1. Qual o legado que o Sr pretende deixar estando a frente da secretária?

Resposta: A finalidade é promover uma expansão significativa do transporte de massa para a população do Estado de São Paulo, seja com recursos próprios seja em parceria com a iniciativa privada.

Produção de texto, jornalista: Rodrigo Lico (MTB:0061303/SP)


Expediente - Quem Somos - Nossa Marca - Política de Privacidade - Colabore - Publicidade - Fale Conosco - Widget
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×